Deslizar para saber mais

Massa tagliatelle com café expresso e tomilho

Receita de massa tagliatelle caseira com chalotas em Vinho do Porto

A massa é mais saborosa quando somos nós a fazê-la – não quer arriscar e fazer experiências com os ingredientes? Experimente a nossa receita para preparar uma massa deliciosa com café expresso e chalotas em Vinho do Porto. 

Se aprecia uma massa bastante especial, por que não experimentar fazê-la pelas próprias mãos? Com esta receita, verá que não é assim tão difícil, e que o café expresso e o tomilho combinam na perfeição. O café expresso é também um excelente complemento do molho de Vinho do Porto e dá um sabor único às chalotas escaldadas. Finalize guarnecendo com queijo parmesão fresco e rúcula – um repasto para os olhos e para as papilas gustativas! 

Porções: 4

Ingredientes para a massa tagliatelle:

  • 150 g de sêmola de trigo duro
  • 150 g de farinha e mais alguma para a superfície de trabalho (farinha fina para bolos)
  • 1 colher de chá de sal
  • pimenta preta acabada de moer
  • 3 colheres de sopa de tomilho fresco em folha
  • 110-115 g de café expresso forte frio; por exemplo, o café Miele Black Edition N°1
  • 1 gema de ovo
  • 1 colher de sopa de óleo de colza

Ingredientes para as chalotas em Vinho do Porto:

  • 100-120 g de margarina
  • 400 ml de Vinho do Porto (Ruby)
  • 3 colheres de sopa de café expresso; por exemplo, o Miele Black Edition N°1, e de molho de soja (fermentação natural) 
  • 4 folhas de louro
  • 350 g de chalotas pequenas
  • 2 colheres de sopa de licor de groselha negra

Outros ingredientes:

  • 100 g rúcula
  • 1-1 ½ pimento vermelho
  • cerca de 8 colheres de sopa de queijo parmesão (acabado de ralar) e mais um pouco para servir
  • sal

Preparação:

  1. Misturar os ingredientes para a massa tagliatelle num robô de cozinha usando a lâmina; de seguida, amassar à mão durante 5 minutos até se obter uma massa elástica. Envolver a massa em papel de alumínio e deixar repousar durante pelo menos uma hora.
  2. Colocar um pano limpo num tabuleiro. Dividir a massa em quatro porções, estender finamente numa superfície polvilhada com farinha e dividir em massa tagliatelle, que é semelhante à largura de um lápis (é mais fácil usando uma prensa). Espalhar a massa sobre o pano até ao momento de a cozinhar.
  3. Cortar 40–50 g de margarina em pequenos pedaços e levar a refrigerar.
  4. Deixar o Vinho do Porto, o café expresso e o molho de soja levantar fervura com as folhas de louro e deixar cozinhar em lume brando sem tampa para reduzir. Entretanto, escaldar as chalotas durante alguns segundos em água a ferver, escorrer, descascar e cortar ao comprido em quartos.
  5. Saltear as chalotas cortadas em 50–60 g de margarina em lume brando numa frigideira grande até ficarem douradas. Adicionar a redução de Vinho do Porto e o licor de groselha negra, tapar e deixar cozinhar durante 5-7 minutos.
  6. Aquecer 4 pratos fundos.
  7. Lavar a rúcula, separar as folhas e secar. Lavar o pimento, retirar as sementes e cortar em fatias finas. Ferver 3 l de água num tacho grande com 2 colheres de sopa de sal. Adicionar a massa e cozinhar durante 1-3 minutos, escorrer e misturar com o queijo parmesão num tacho.
  8. Adicionar o pimento fatiado às chalotas, retirar o tacho do fogão e adicionar os cubos de margarina refrigerada mexendo continuamente. Temperar com sal se for necessário.
  9. Primeiro, colocar as folhas de rúcula num dos pratos fundos, acrescentar a massa e as chalotas com o molho, polvilhar com um pouco de queijo parmesão e servir imediatamente.

Dicas: 

  • A massa pode ser preparada, separada e deixada a secar vários dias antes.
  • O café expresso para a massa mede-se com mais precisão ao peso.
  • Quanto mais fresca e fina ficar a massa, mais rápida será de cozinhar.
  • Se não tiver muito tempo disponível para preparar as chalotas com Vinho do Porto, opte antes por misturar bastante margarina, queijo parmesão e pimento, mexendo continuamente a massa de café e tomilho e sirva sobre a rúcula.

Produção: Regine Smith Thyme
Decoração culinária: Marlies Klosterfelde-Wentzel
Decoração: Katrin Heinatz
Fotografia: © Wolfgang Kowall